Edvard chega ao final com mais contas rejeitadas

Data: 27/12/2012 | Hora: 16:10 | Por: Leonardo Rodrigo


No final de seu mandato, o prefeito Edvard Bernardo (PMDB) viu mais duas prestações de contas de sua gestão serem rejeitadas em votação que aconteceu na quinta, dia 27. Agora são três no total. O Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE) enviou o parecer para a Câmara do Moreno rejeitando as prestações de 2008 e 2010.

Entre as irregularidades encontradas estavam contratos com empresas prestadoras de serviços, a reforma da Praça da Bandeira e a falta de recolhimento de tributos federais. O documento chegou para os vereadores em novembro e eles teriam 60 dias para analisar o parecer e colocá-lo em votação.

Na última reunião dos vereadores foi colocada na pauta a votação do documento do TCE. De forma rápida e unanime, os vereadores presentes (ausente apenas era o vereador Marcelo Bruno - PHS) acataram o parecer reprovando mais duas contas de Edvard. O atual prefeito ainda terá mais cinco contas para irem a julgamento.

Tranquilidade - diferente de quem viu a reunião que aconteceu em setembro de 2011, na qual foi reprovada as contas 2006 de Edvard. A reunião desta quinta (27) pareceu apenas um reunião onde se debatia amenidades. Foi rápida e sem discussão.

Em 2011 o clima era outro. Com o plenário cheio o clima era quente e divido entre os parlamentares morenenses. Depois de muito bate boca, o parecer 2006 foi para votação que terminou empatada (5 a 5). O presidente decidiu então dar seu voto de minerva a favor do prefeito, que é do mesmo partido.

Tanto a base do governo como a oposição cantaram vitória no fim da reunião. Dessa vez, os parlamentares que votaram a favor no passado dessa vez mudaram de ideia e optaram por aceitar o parecer do TCE.
Leonardo Rodrigo, leoecia.com - 1998/2014. © Todos os direitos reservados.