Maternidade continua fechada

Data: 17/10/2011 | Hora: 10:40 | Por: Leonardo Rodrigo


O prazo dado pela própria diretoria do Hospital e Maternidade Armindo Moura (HMAM), para que a unidade de saúde reabrisse as portas, encerrou no último dia 15. A data foi afirmada pelo diretor Antonio Júnior durante audiência pública na Câmara Municipal do Moreno, que debateu sobre a situação do hospital.

Os vereadores convocaram os representantes do HMAM no dia 25 de agosto para esclarecer o por que a unidade continuava fechada após um ano sem prestar serviços à comunidade. Na ocasião, o Antonio Júnior apresentou os motivos e afirmou perante os presentes que o atendimento no local seria retomado na primeira quinzena de outubro. O que não aconteceu até o momento.

O vereador Marcelo Bruno (PHS), autor do requerimento da audiência, na ocasião tinha afirmado que não acreditava que o hospital estaria funcionando na data prometida. Que as irregularidades no local eram muitas e começava pelo quadro da diretoria, que teria o nome de pelo menos oito parentes do Antonio Júnior.

No período entre a audiência e o prazo dado para reabertura do hospital, nada foi notado de movimentação do local. Tivemos a informação apenas que houve uma coleta de currículos para pessoas que queiram trabalhar no local. Mas informação concreta sobre quando e de fato o hospital irá abrir, isso ainda não temos.
Leonardo Rodrigo, leoecia.com - 1998/2014. © Todos os direitos reservados.