Eduardo apoiará candidato com ligação pessoal e política em Moreno

Data: 10/05/2012 | Hora: 16:56 | Por: Rosália Rangel - Diário de Pernambuco


Pelo menos em público, o governador Eduardo Campos (PSB) tem evitado falar de eleição. Não quer antecipar o debate eleitoral. Muito menos misturar governo com campanha política. Mas uma coisa é certa: o socialista tem uma cota de candidatos preferenciais que irão contar com ele em seus respectivos palanques. A lista de municípios a ser visitado pelo líder do PSB, por enquanto, não é grande. São cidades onde os futuros concorrentes têm uma ligação pessoal e política com o governador. Alguns militantes históricos do partido e companheiros do ex-governador Miguel Arraes, avô de Eduardo, falecido em agosto de 2005.

No roteiro a ser cumprido por Eduardo estão municípios de todas as regiões do estado. São locais onde o governador quer ver no comando das prefeituras pessoas da sua extrema confiança e comprometidas com o modelo de gestão adotado pelo governo do estado. “Por isso o compromisso pessoal de elegê-los e a disposição de confrontar com aliados que irão concorrer nesses locais pela Frente Popular”, afirmou uma fonte socialista.

Uma prova do compromisso de Eduardo com esses pré-candidatos pode ser observada claramente em Goiana, na Mata Norte do estado. Na cidade, o governador retirou a pré-candidatura do deputado estadual Aluísio Lessa (PSB), que tinha a intenção de disputar a eleição do município. Desta forma, deixou o caminho livre para o vereador Carlos de Joca (PSB), um amigo de mais de 20 anos e fiel aliado político.

Em Paulista, apesar de respeitar a candidatura do deputado estadual Sérgio Leite (PT), o governador vai investir pesado na eleição do vereador Júnior Matuto (PSB). O socialista, além da simpatia de Eduardo, sempre contou com o apoio da ex-deputada federal Ana Arraes nas disputas para Câmara Municipal. Hoje, a mãe de Eduardo está fora da política por exercer o cargo de ministra do Tribunal de Contas da União (TCU). O nome de Júnior Matuto foi confirmado pelo PSB no dia 14 de abril. Mas antes disso, ele já se apresentava na cidade como sendo o candidato do governador à sucessão do prefeito Yves Ribeiro (PSB).

Apesar de reconhecer a preferência do governador pelos nomes postos na disputa, o presidente estadual do PSB, Sileno Guedes, afirmou que somente em setembro o partido terá um quadro mais definido sobre as cidades por onde Eduardo deverá passar. “O governador vai repetir o que fez em 2008. Vai dar mais foco à gestão”, desconversou o socialista. Ele disse ainda que, na condição de presidente nacional do PSB, Eduardo também será requisitado para cumprir agenda pelo país.

“Em Pernambuco, iremos definir os municípios estratégicos para depois convencer ele a ir. Temos cidades importantes, inclusive com pré-candidatos que não são do PSB, a exemplo de Serra Talhada, onde o pré-candidato é o ex-secretário (de Transportes) Sebastião Oliveira (PR)”. Nos últimos dois meses, a executiva estadual do PSB tem percorrido o estado com a Agenda 40. “Estamos com 130 pré-candidatos. A consolidação desse número será feita em junho depois das convenções”, observou Sileno. Segundo ele, o governador está sendo informado de todos os números aprovados na Agenda 40. Amanhã, a caravana estará em Arcoverde (Sertão) e, no sábado, em Vicência (Mata Norte).

Saiba mais

Quem tem a preferência de Eduardo

Paulista
Vereador Júnior Matuto (PSB) – Ainda adolescente, começou a militar no PSB na juventude do partido. O governador tem grande admiração pela sua capacidade de fazer política e atuar no município

Goiana
Carlos de Joca (PSB) – Tem forte ligação com Eduardo e militou lado a lado com o ex-governador Miguel Arraes, avô do líder socialista. O governador, inclusive, recomendou a saída do deputado Aluizio Lessa (PSB), que pretendia disputar a eleição no município

Garanhuns
Antonio João Dourado (PSB) – Licenciou-se da Prefeitura de Lajedo para atender uma convocação do governador. Eduardo tinha a ideia de lançar o nome dele desde a época em que Dourado atuava na Secretaria de Articulação Regional

Petrolina
Fernando Bezerra Filho (PSB) – É filho do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho. Na Câmara dos Deputados, foi um dos articuladores da eleição de Ana Arraes, mãe de Eduardo, para ministra do TCU

Araripina
Alexandre Arraes (PSB) – Conta com o empenho pessoal de Eduardo nas ações realizadas pelo governo na cidade. Era vice-prefeito e assumiu a Prefeitura em razão do afastamento do ex-prefeito Lula Sampaio (PDT), por improbidade administrativa

Moreno
Adilson Gomes Filho (PSB) - Herdeiro político do pai, Adilson Gomes, socialista e arraesista histórico. É um colaborador direto de Eduardo Campos há muito anos. Começou a atuar na militância do partido ainda muito jovem

Surubim
Ana Célia Farias (PSB) - Faz parte da cota pessoal do governador. Em 2006, como estratégia do partido, disputou a campanha para deputada estadual para fortalecer, na região, o então candidato do PSB ao governo do estado, Eduardo Campos

Serra Talhada
Sebastião Oliveira (PR) - Ex-secretário estadual de Transportes, ficou no cargo durante toda gestão socialista, no período de 2007 a 2010. É considerado um aliado de primeira hora. O PR foi o primeiro partido a aderir à campanha de Eduardo em 2006
Leonardo Rodrigo, leoecia.com - 1998/2014. © Todos os direitos reservados.